Header Ads

Fortalecimento da cadeia produtiva gaúcha de jogos digitais é tema de Workshop

Com o intuito de suscitar o envolvimento de empresas e de grupos de pesquisadores gaúchos voltados ao desenvolvimento de jogos digitais e, consequentemente, fortalecer a indústria criativa no Estado, acontece nos dias 4 e 5 de junho, em Porto Alegre, o ?Workshop Desenvolvimento da Indústria Gaúcha de Jogos Digitais?. A promoção é da Secretaria da Ciência, Inovação e Desenvolvimento Tecnológico do Estado (SCIT), da Agência Gaúcha de Desenvolvimento e Promoção do Investimento (AGDI), e da Universidade Feevale. O evento ocorre no auditório do BRDE (Rua Uruguai, 155, 14º andar).

O núcleo gaúcho do setor criativo movimenta anualmente R$ 5,2 bilhões, uma fatia de 5,6% de toda a área criativa do país. Além disso, a renda do trabalhador criativo situa-se acima da renda média do trabalhador formal nacional. Neste cenário, a SCIT prevê para este ano o lançamento de um edital específico para a Indústria Criativa do Estado, fortalecendo principalmente a indústria de jogos eletrônicos, atualmente concentrada na região metropolitana no Estado. ?Os parques tecnológicos gaúchos já recebem empresas e grandes players globais do setor criando um eixo de concentração forte de empresas e profissionais em torno da região metropolitana?, lembra o secretário da SCIT Cleber Prodanov.

Para o coordenador-executivo do programa setorial da indústria da Criatividade da AGDI, Fernando Guimarães, o evento é uma grande oportunidade para o setor discutir as melhores estratégias para fortalecer negócios e de alternativas para aprimoramento dos instrumentos disponíveis. "Em parceria com empresas e universidades, o governo estadual trabalha para aprimorar políticas públicas que fomentem as cadeias produtivas da indústria da Criatividade", ressaltou, ao lembrar que a área está entre os 22 setores estratégicos da nova Política Industrial do Estado, lançada no mês de março.

Representantes de universidades, órgãos públicos e empresas desenvolvedoras de games participarão do Evento. Na programação constam temas como modelos de negócios em games, financiamentos e fomentos estaduais, além da criação de um documento das desenvolvedoras gaúchas.

O Rio Grande do Sul é o primeiro Estado a realizar um evento nos moldes do ?Workshop Nacional de Jogos Digitais?, que ocorreu em 2011, no Rio de Janeiro, numa iniciativa do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Universidade Feevale.
Tecnologia do Blogger.