Header Ads

Pré-Vestibular Universidade Já é ampliado para 1,8 mil gaúchos

O cursinho pré-vestibular Universidade Já será ampliado hoje para mais 16 municípios do Estado, mediante assinatura de convênio, no Centro Cultural CEEE Erico Verissimo, em Porto Alegre. O cursinho gratuito, que faz parte do Programa de Oportunidades e Direitos da Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos, irá beneficiar 1,8 mil pessoas de baixa renda, estudantes ou ex-alunos de escolas públicas, de todas as regiões do Rio Grande do Sul.

Presente desde 2011 em Porto Alegre e Santa Maria, o curso Universidade Já! aprovou 33% e 43% dos estudantes, respectivamente, nas universidades federais dessas cidades no último vestibular de verão. A partir de 9 de outubro, quando começam as aulas, essa oportunidade se abre também para quem mora em municípios menores. Por meio do convênio estão sendo abertas vagas em Porto Alegre, Agudo, Alegrete, Alvorada, Bagé, Cachoeira do Sul, Canoas, Frederico Westphalen, Pelotas, Santa Maria, Santana do Livramento, São Gabriel, São Leopoldo, São Luiz Gonzaga, Sapiranga, Tramandaí, Três Passos e Tupanciretã.

Podem se inscrever pessoas de qualquer idade, que estejam cursando ou tenham cursado o Ensino Médio em escolas públicas, e que tenham baixa renda. As inscrições estarão abertas entre 10 e 28 de setembro através do site www.universidadejars.com.br. Não há prova: a seleção é feita considerando a comprovação de renda e o histórico escolar do candidato. O resultado será divulgado no dia 4 de outubro, e as matrículas serão realizadas no dia 8.

O curso tem foco nos vestibulares das universidades federais e no Enem. De acordo com o secretário da Justiça e dos Direitos Humanos, esta é uma política inclusiva do Governo do Estado. "Muita gente fica de fora das universidades, ou trabalha de dia para pagar com dificuldades uma particular à noite, porque não tem condições de fazer um pré-vestibular e disputar de igual para igual as vagas. O Universidade Já! gera oportunidades de estudar, se formar e realizar sonhos", afirma Fabiano.

Outro destaque realizado pelo secretário é em relação à qualidade dos professores e do material didático: "São profissionais experientes e sintonizados com as matérias dos vestibulares, além dos polígrafos e material de apoio que não perdem em nada para os pré-vestibulares mais conhecidos".

Para o coordenador do Universidade Já!, Jessé Quevedo, o curso é capaz de gerar mudanças concretas na vida das pessoas. "Muitos alunos, ou mesmo gente que parou de estudar há bastante tempo, têm agora a chance real de acessar o Ensino Superior. É uma excelente iniciativa de geração de oportunidades adotada e implementada pelo Governo gaúcho", avalia.

O Universidade Já! é realizado pelo Núcleo de Educação Inclusiva da Fundação de Amparo à Pesquisa e Extensão Universitária(Neif/Fapeu), que já executa o projeto em Santa Catarina há 9anos. No Estado vizinho, o curso já atinge 5 mil alunos e tem 64% de aprovação- índice que os coordenadores do projeto pretendem alcançar e superar para os próximos vestibulares.
Tecnologia do Blogger.