Header Ads

Simon coloca nome à disposição para concorrer ao Senado

O senador Pedro Simon está à disposição para concorrer à reeleição, em outubro, e espera que a definição ocorra até 15 de março. Quem afirma é o presidente estadual do PMDB, deputado estadual Edson Brum, que foi ao encontro do líder nacional do partido, sábado, em Rainha do Mar. A definição deve ocorrer, no mês sugerido, em pré-convenção que também indicará o futuro candidato ao Palácio Piratini. José Ivo Sartori, ex-prefeito de Caxias do Sul, e Paulo Ziulkowski, presidente da Confederação Nacional dos Municípios, são os nomes mais lembrados no momento. O presidente Edson Brum reúne a executiva, na próxima segunda-feira, em Porto Alegre, para tratar do evento.

Fortunati e Tarso
O prefeito José Fortunati e o governador Tarso Genro voltam a conversar, hoje, para definição de “providências alinhadas com o objetivo de minimizar os impactos da greve dos metroviários entre a população”. No final de semana, Fortunati e Tarso conversaram “para avançar na colaboração do debate sobre transporte coletivo”. As declarações entre aspas são do chefe do Executivo de Porto Alegre, publicadas nas redes sociais. Nos comentários, internautas fizeram críticas à greve.

Veículos escolares
Em reunião com a equipe de governo, ontem à tarde, no Ceic (Centro Integrado de Comando da Cidade de Porto Alegre), o prefeito Fortunati definiu a utilização de veículos escolares no lugar dos ônibus. Mais de 600 micro-ônibus vão ligar as regiões Norte, Sul e Leste ao Centro Histórico. As rotas foram escolhidas de modo a beneficiar pontos não cobertos pelos lotações. A medida ajuda na locomoção, com certeza, mas castiga o bolso da população, com tarifa de R$ 4,20.

Nova tentativa de conciliação
Antes de viajar a Brasília, amanhã, para reunião no Ministério da Fazenda, com o objetivo de defender isenções para desonerar o transporte, o prefeito de Porto Alegre pede que o Tribunal Regional do Trabalho promova nova reunião de conciliação entre rodoviários e empresários. José Fortunati teme que a paralisação se prolongue. “A gente sabe começa, mas nunca como termina”, diz, com a experiência de quem já participou de greve.

Grêmio novo com problemas antigos
Não foi animador o desempenho do Grêmio no empate contra o Juventude. O ataque continua o pior setor do time, como em 2013. A favor de Kleber e Barcos é preciso dizer que a bola não chega à área adversária, muito menos em boas condições de finalizar. Faltou jogada de linha de fundo, com bom cruzamento. Kleber e Barcos não formam a melhor dupla. Se pensa grande para Libertadores e Brasileirão, o Grêmio precisa buscar um velocista. É urgente substituir Kleber, para não penalizar Barcos, que continha fora da área em busca da bola, como nos tempos do técnico Renato.

Inter parece melhor para o Gre-Nal

Domingo haverá Gre-Nal. Ninguém ignora que o clássico tem fama de influenciar o presente e o futuro, para o bem ou para o mal. Depende do resultado e da capacidade de reação. Os resultados de campo indicam que o Internacional chega melhores para o principal jogo de futebol do Rio Grande Sul. Ainda há jogos no meio da semana. Esperemos para ver no que dá.
Tecnologia do Blogger.