Header Ads

Rei da Arábia Saudita viaja com séquito de 1.500 pessoas

O rei Salmán bin Abdulaziz al Saud iniciou um périplo pela Ásia levando, além de 1.500 pessoas, 459 toneladas de bagagem, duas mercedes-benz e duas limousines.

O rei da Arábia Saudita, Salmán bin Abdulaziz al Saud, iniciou viagem de um mês a vários países da Ásia com uma anturragem digna de... rei! Salmán leva duas limousines, duas mercedes-benz, 459 toneladas de bagagem e um séquito de 1.500 pessoas.

A estrutura é administrada pela companhia Jasa Angkasa Semesta, contratada especialmente para a viagem. Adji Gunawan, diretor da empresa, explica que, para desincumbir-se de modo perfeito de suas responsabilidades, também precisou de um séquito: 570 empregados.

No momento, o rei saudita está na Malásia, acompanhado por 600 pessoas. A comitiva ocupa três hotéis de luxo em Kuala Lumpur, para onde se deslocaram em 36 aviões. O próximo destino é a Indonésia, para onde seguirão mais 800 assessores, ministros e príncipes.

Na continuidade do giro real, o destino será China e Japão. Na Arábia Saudita, centenas de funcionários acompanham o périplo à distância, preparados para reforçar a equipe de pessoal em caso de necessidade, informam porta-vozes do palácio da monarquia.

Salmán viaja com o objetivo de forjar laços econômicos com a região e diversificar a economia da Arábia Saudita. Recentemente o país decidiu que precisa reduzir a enorme dependência sobre a extração de petróleo, hoje desvalorizado e com perspectivas de futuro ruins.

As informações são do jornal The Straits Times.
Tecnologia do Blogger.