Header Ads

Lula continua preso, decide presidente do TRF-4

A segunda ordem de soltura do condenado Lula pelo plantonista do TRF-4, Rogério Favreto, acaba de ser cassada pelo presidente do Tribunal, desembargador Carlos Thompson Flores. A primeira foi invalidada pelo relator da Lava-Jato no Tribunal, Gebran Neto. Foi nesse momento que Favreto e Gebran se colocaram em lados opostos e se produziu um conflito de competência jurídica.

Na decisão, Thompson Flores determinou "o retorno dos autos ao gabinete do desembargador João Pedro Gebran Neto, bem como a manutenção da decisão por ele proferida", ou seja, Lula continua preso, cumprindo sua pena de prisão de 12 anos e um mês por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do Tríplex do Guarujá, em São Paulo.

Deixe uma resposta