Header Ads

Brasil, Colômbia, Peru e Canadá reconhecem novo presidente da Venezuela

Em pronunciamento à imprensa internacional, em Davos, na Suíça, os presidentes do Brasil, Jair Bolsonaro, e da Colômbia, Ivan Duque, a vice-presidente do Peru, Mercedez Araoz, e a ministra das Relações Exteriores do Canadá, Chrystia Freeland, reconheceram, nesta quarta-feira (23),  Juan Guaidó, presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, como legítimo presidente daquele país.

A manifestação tem o apoio dos Estados Unidos e deve ser respaldada pelos demais países do Grupo de Lima e pela Organização dos Estados Americanos (OEA).

O ditador Nicolás Maduro rompe com os Estados Unidos e anuncia que não deixa o poder.

Atualização - Outros países reconhecem o governo interino de Juan Guaidó: ArgentinaChileGuatemala Paraguai.

Comentário - Não se trata de querer ou não. Mais horas, menos horas ou mais dias, menos dias será forçado pela realidade a sair - e terá sérios problemas com a Justiça, com certeza, porque se trata de uma narcoditadura assassina.

Juan Guaidó se declarou presidente