Header Ads

Mondrian

Quando se está ameaçado, é preciso dizer por quem, diz Mourão sobre Wyllys

Ao ser questionado sobre as ameaças citadas genericamente pelo deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), que anunciou renúncia, depois de deixar o Brasil, o vice-presidente Hamilton Mourão foi claro: "Quando a gente diz que está ameaçado, tem que dizer por quem, como". Depois completou: "Não estou na chuteira do Jean Wyllys, ele é que sabe qual é o grau de confusão em que está metido".

Deixe uma resposta