Header Ads

Tarso Genro perde ação por danos morais contra Alexandre Garcia

O ex-governador gaúcho, ex-ministro e ex-presidente do PT perdeu ação por danos morais no valor de R$ 50 mil movida contra o jornalista Alexandre Garcia.

Tarso queria ser indenizado por ter o jornalista dito que ele, então ministro do governo Lula, devolveu a Cuba os dois boxeadores que fugiram da delegação nos jogos Pan-Americanos.

"Perdeu na 1ª instância, recorreu ao tribunal e perdeu por unanimidade. Agora terminou e tem que pagar as custas", tuitou Alexandre Garcia.

O jornalista disse que o ex-ministro usou quatro advogados e ele somente um, com quem decidiu fazer um "brinde à vitória".

Leia o texto na íntegra:

Transitou em julgado ação de indenização movida pelo ex-Ministro da Justiça (caso Battisti) e ex-presidente do PT, Tarso Genro, de 50 mil por danos morais, por eu ter dito que ele devolveu a Cuba os dois boxeadores que fugiram da delegação nos jogos Pan-Americanos.

Perdeu na 1ª instância, recorreu ao tribunal e perdeu por unanimidade. Agora terminou e tem que pagar as custas. Só 2 ações em quase 50 anos de jornalismo. A outra foi de Orestes Quércia, que retirou a ação. Genro usou 4 advogados e eu um, com quem brindei à vitória.

Alexandre Garcia brinda vitória com advogado.
Foto: Alexandre Garcia/Twitter.